domingo, 21 de junho de 2015

05-07-2015- O DIA DO SENHOR- CANTOS E PARTITURAS








Cópias do Folheto "O DIA DO SENHOR" estão postados no final.
(Brochure copies "The Lord's Day" are shown at the end of this posting.)


01-Refrão Meditativo

Vidas pela vida, vidas pelo Reino, vidas pelo Reino, todas as nossas vidas, como as suas vidas, como a Vida Dele: o mártir Jesus. (bis)

Aprendizagem -> CLIQUE AQUI!!!









2. Canto Inicial
No meio da tua casa recebemos, ó Deus, a tua graça! Sem fim, nossa louvação, pois a justiça
está toda em tuas mãos!
1 - Alegrai-vos no Senhor! Quem é bom, venha louvar. Peguem logo o violão e o pandeiro pra
tocar! Para Ele um canto novo vamos, gente, improvisar.
2 - Ele cumpre o que promete: podem Nele confiar! Ele ama o que é direito e Ele sabe bem
julgar. Sua Palavra fez o céu, fez a terra e fez o mar.
3 - Ele faz do mar um açude e governa os oceanos. Toda a terra a Ele teme, mesmo os corações humanos. Tudo aquilo que Ele diz, não nos causa desenganos.
4 - Põe abaixo os planos todos desses povos poderosos. E derruba os pensamentos dos
malvados orgulhosos. Mas os planos que Ele faz vão sair vitoriosos.






3. Deus nos perdoa

1 - Senhor, tende piedade dos corações arrependidos.
Tende piedade de nós, tende piedade de nós! (bis)
2 - Jesus, tende piedade dos pecadores, tão humilhados!
3 - Senhor, tende piedade intercedendo, por nós ao Pai!






4-Deus nos fala (apresentação do Livro da Palavra)

É como a chuva que lava, é como o fogo que arrasa, tua Palavra é assim, não passa por mim sem deixar um sinal. (bis)





6. Salmo - Sl 122,1-2a.2bcd.3-4 (R. 2cd)
(disposto como no sitio oficial da CNBB:
http://liturgiadiaria.cnbb.org.br/app/user/user/UserView.php?ano=2015&mes=7&dia=5)

R.Os nossos olhos, estão fitos no Senhor:tende piedade, ó Senhor tende piedade!
1Eu levanto os meus olhos para vós,*
que habitais nos altos céus.
2aComo os olhos dos escravos estão fitos*
nas mãos do seu senhor.R.

2bcomo os olhos das escravas estão fitos*
nas mãos de sua senhora,
2cassim os nossos olhos, no Senhor,*
2daté de nós ter piedade.R.

3Tende piedade, ó Senhor, tende piedade;*
já é demais esse desprezo!
4Estamos fartos do escárnio dos ricaços*
e do desprezo dos soberbos!R.


ATENÇÃO: A melodia abaixo é a mesma para o 14º, 15º e 16º Domingos do Tempo Comum




8. Canto de Aclamação
Aleluia, aleluia, aleluia, aleluia! (bis)
1 - O Espírito do Senhor, sobre mim fez a unção; enviou-me aos empobrecidos a fazer feliz
proclamação.




13. Apresentação dos Dons

O Deus que me criou, me quis, me consagrou. Para anunciar o seu amor! (bis)
1 - Eu sou, sou profeta da verdade. (bis) Canto a justiça e a liberdade, eu vivo pra amar e pra servir.(bis) É missão de todos nós...







14. Canto das Oferendas
(onde houver celebração da Palavra)
1 - Bendito és Tu, ó Deus Criador, revestes o mundo da mais fina flor; restauras o fraco que a
Ti se confia e junto aos irmãos, em paz, o envias.
Ó Deus do universo, és Pai e Senhor, por tua bondade recebe o louvor!
2 - Bendito és Tu, ó Deus Criador, por quem aprendeu o gesto de amor: colher a fartura e ter
a beleza de ser a partilha dos frutos na mesa!





(onde houver celebração Eucarística)
1 - Bendito e louvado seja, o Pai nosso Criador, o pão que nós recebemos é prova do seu amor. É ofruto de sua terra, do povo trabalhador: na missa é transformado no Corpo do Salvador.
Bendito seja Deus, bendito seu amor. Bendito seja Deus Pai Onipotente nosso Criador. (bis)
2 - Bendito e louvado seja o Pai nosso Criador, o vinho que recebemos é prova do seu amor. É o fruto de sua terra, do povo trabalhador: na missa é transformado no Sangue do Salvador.



15. Momento de Louvor (para Celebração da Palavra)

Nós te glorificamos Senhor, nosso Deus, nosso Pai e nosso Criador. (bis)
1 - Nós te louvamos porque repartes conosco teus bens. Pede-nos pra repartir os nossos dons também.
2 - Nós a Ti bendizemos, por tua santa Palavra, ela que nos orienta pra sermos fiéis na partilha.
3 - E nós Te adoramos porque é nosso Deus, nos convidas a construir na terra o Reino dos Céus.  (bis)



18. Canto de Comunhão (se houver)
1 - Se calarem a voz dos profetas as pedras falarão! Se fecharem uns poucos caminhos,
mil trilhos nascerão! Muito tempo não dura a verdade nestas margens estreitas demais: Deus
criou o infinito pra vida ser sempre mais.
É Jesus este pão de igualdade, viemos pra comungar com a luta sofrida do povo que quer
ter voz, ter vez, lugar. Comungar é tornar-se um perigo, viemos pra incomodar; com a fé e união nossos passos um dia vão chegar!
2 - O Espírito é vento incessante, que nada há de prender, Ele sopra até no absurdo que a gente não quer ver. Muito tempo...
3 - No banquete da festa de uns poucos, só rico se sentou. Nosso Deus fica ao lado dos pobres, colhendo o que sobrou. Muito tempo...
4 - O poder tem raízes na areia o tempo o faz cair. União é a rocha que o povo usou pra construir. Muito tempo...
5 - Toda luta verá o seu dia nascer da escuridão ensaiamos a festa e a alegria, fazendo comunhão. Muito tempo...






22. Canto final
1 - A história de nossa Igreja há conquistas e sonhos pra celebrar. Pastorais, movimentos,
também Ministérios a serviço da vida e do altar. Semente do Reino lançada na terra, germinou e cresceu em gotas de amor. Hoje os trabalhadores percorrem o campo, a colheita chegou.
Contemplar, celebrar e reencantar com Jesus, por esta Igreja hoje e sempre (bis)!
2 - CONTEMPLAR, olhar o mundo com olhar de Deus. Escutar a voz de Jesus Cristo que habita em nós. O humano e o Divino se envolvem, único ser, assim percorrendo a história, fazendo memória, nos faz crescer.
3 - CELEBRAR o dom da vida e renovar o amor! Caminhar com fé, com esperança e juntos
construir, um rosto samaritano no jeito de ser, no pensar e no agir. A Igreja se fortalece, o Reino acontece: Senhor eis-me aqui!
4 - REENCANTAR, com Maria nessa nova história, com amor de mãe, que ouve, acolhe e ensina a caminhar. Sementes de ontem e de hoje, serão os frutos pra se colher um planta, um rega, o outro colhe. A igreja caminha, um novo amanhecer.


(material de disponibilizado não fornecido)