quinta-feira, 1 de outubro de 2015

02-11-2015 - A MENSAGEM - SOL.FIÉIS DEFUNTOS - CANTOS E PARTITURAS







COMEMORAÇÃO DE TODOS OS FIÉIS FALECIDOS – 02/11/2015
SOMOS RESSUSCITADOS EM CRISTO”


01. REFRÕES MEDITATIVOS
Eu o ressuscitarei (3x) no dia final. (bis)
_________________________________________________________________



E quando amanhecer, o dia eterno, a plena visão, ressurgiremos por crer nesta vida escondida no pão.



02. CANTO INICIAL
1. A vida pra quem acredita não é passageira ilusão. E a morte se torna bendita, porque é nossa libertação.
Nós cremos na vida eterna e na feliz ressurreição, quando de volta à casa paterna com o Pai os filhos se encontrarão.
2. No céu não haverá tristeza, doença, nem sombra de dor: e o prêmio da fé é a certeza de viver feliz com o Senhor.
3. O Cristo será, neste dia, a luz que há de em todos brilhar; a Ele imortal melodia os eleitos hão de entoar.


03. SAUDAÇÃO À SANTISSIMA TRINDADE
Todos: Em nome do Pai, em nome do Filho, em nome do Espírito Santo. Amém!
Pres.: A graça do Cristo, o Amor de Deus Pai, o Espírito Santo co’a gente. Amém!
Todos: Amém! Aleluia! Amém! Aleluia! Amém! Aleluia! Aleluia! Amém!


04. CANTO DE PERDÃO
1. Do amor eu fugi, do irmão me esqueci, não abri meu coração e neguei o meu perdão.
Perdão, Senhor, perdão, meu Deus, eu pequei. Teu amor eu recusei, do irmão me afastei. (bis)
2. Pobres eu não socorri, nus também eu não vesti. Dos doentes me afastei, e aos presos desprezei.
3. Eu tentei recomeçar, ir o próximo encontrar, pois a lei manda amar, e a todos se doar


05. HINO DO GLÓRIA
1. Glória a Deus nos altos céus! Paz na terra a seus amados! A vós louvam, Rei celeste, os que foram libertados.
Glória a Deus, lá nos céus, e paz aos seus. Amém!
2. Deus e Pai, nós vos louvamos, adoramos, bendizemos; damos glória ao vosso nome, vossos dons agradecemos.
3. Senhor nosso, Jesus Cristo, unigênito do Pai, Vós, de Deus Cordeiro Santo, nossas culpas perdoai!
4. Vós, que estais junto do Pai, como nosso intercessor, acolhei nossos pedidos, atendei nosso clamor!
5. Vós somente sois o Santo, o Altíssimo, o Senhor, com o Espírito Divino, de Deus Pai no esplendor!



06. APRESENTAÇÃO DO LIVRO DA PALAVRA
Louvarei a Deus, seu nome bendirei!(bis) Louvarei a Deus, sua Palavra nos conduz! (bis)




LITURGIA DA PALAVRA
07. PRIMEIRA LEITURA
LEITURA DO LIVRO DO PROFETA ISAÍAS (25, 6a. 7-9)


08. SALMO RESPONSORIAL (24)
Senhor meu Deus, a vós elevo a minha alma. (bis)
- Recordai, Senhor meu Deus, vossa ternura e vossa compaixão que são eternas! De mim lembrai-vos, porque sois misericórdia e sois bondade sem limites, ó Senhor!
- Aliviai meu coração de tanta angústia, e libertai-me das minhas aflições! Considerai minha miséria e sofrimento e concedei vosso perdão aos meus
pecados!
- Defendei a minha vida e libertai-me; em vós confio, que eu não seja envergonhado! Que a retidão e a inocência me protejam, pois em vós eu coloquei minha esperança!

(MELODIA A ESCOLHA)

09. SEGUNDA LEITURA
LEITURA DA CARTA DE SÃO PAULO AOS ROMANOS (8, 14-23)


10. CANTO DE ACLAMAÇÃO
Aleluia, Aleluia, Aleluia. (bis)
Benditos do Pai, se apossai-vos do Reino, que foi preparado, bem desde o começo!
(MELODIA A ESCOLHA)

11. EVANGELHO
PROCLAMAÇÃO DO EVANGELHO DE JESUS CRISTO SEGUNDO SÃO MATEUS (25, 31-46)


12. PROFISSÃO DE FÉ
Creio em Deus Pai, todo poderoso, Criador do céu e da terra, e em Jesus Cristo, um só seu Filho, nosso Senhor, (todos se inclinam) o qual foi concebido, pelo Espírito Santo, nasceu de Maria Virgem, padeceu sob o poder de Pôncio Pilatos, foi crucificado, morto e sepultado, desceu aos infernos e ao terceiro dia ressurgiu dos mortos, subiu aos céus, subiu aos céus, e está sentado à mão direita de Deus Pai todo poderoso, donde há de vir a julgar os vivos e os mortos. Creio no Espírito Santo, na Santa Igreja Católica, na comunhão dos santos, na remissão dos pecados, na ressurreição da carne, na vida eterna. Amém.


13. PRECES DA COMUNIDADE
Que minha prece feita a Ti se eleve como incenso, minhas mãos como a oferta vespertina.


14. CANTO DAS OFERENDAS
As nossas ofertas de vinho e de pão celebram a glória da ressurreição.
1. O grão que morrera no seio do chão renasce no trigo, tornando-se pão. A uva amassada, pisada, moída, ressurge no vinho, sustento da vida.
2. O pão e o vinho são hoje memória do novo Cordeiro na sua vitória, sinais da aliança da terra e dos céus. No Corpo e no Sangue do Filho de Deus.
3. Ao Pai ofertamos também nossa vida, o chão que pisamos, a relva florida, os frutos da terra, por nós cultivados se tornem o Corpo do Ressuscitado.


15. SANTO
Santo, Santo, Santo, Senhor Deus do universo. O céu e a terra proclamam vossa glória, ó Senhor. Hosana, hosana, hosana, hosana nas alturas! Hosana, hosana, hosana, hosanas ao Senhor. Bendito aquele que vem em nome do Senhor! Hosana...
(MELODIA A ESCOLHA)

16. ABRAÇO DA PAZ
1. Quando o dia da paz renascer, quando o sol da esperança brilhar, eu vou cantar! Quando o povo nas ruas sorrir e a ro­seira de novo florir, eu vou cantar! Quando as cercas caírem no chão, quando as mesas se encherem de pão, eu vou cantar! Quando os muros que cercam os jardins, destruídos, então os jasmins vão perfumar!
Vai ser tão bonito se ouvir a canção, cantada de novo. No olhar da gente a certeza do irmão: reinado do povo. (bis)
2. Quando as armas da destruição, destruídas em cada nação, eu vou sonhar! E o decreto que encerra a opressão, assina­do só no coração vai triunfar! Quando a voz da verdade se ouvir e a mentira não mais existir, será enfim, tempo novo de eterna justiça, sem mais ódio, sem sangue ou cobiça; vai ser assim!



17. HINO AO CORDEIRO
Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo. Tende piedade,tende piedade, tende piedade de nós. (bis)
Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo. Dai-nos a paz, dai-nos a paz, dai-nos a paz. Senhor, a vossa paz.

(MELODIA A ESCOLHA)
18. CANTO DE COMUNHÃO (1)
1. Eu sou o Pão da Vida: o que vem a mim não terá fome, o que crê em mim não terá sede. Ninguém vem a mim se meu Pai não o atrair.
Eu o ressuscitarei (3x) no dia final. (bis)
2. O pão que Eu darei é meu Corpo, vida para o mundo. O que sempre comer da minha carne viverá em mim como Eu vivo no Pai.
3. Eu sou o Pão da Vida, que se prova, e não se sente fome. O que sempre beber do meu sangue viverá em mim e terá a vida eterna.
4. Sim, meu Senhor, eu creio que vieste ao mundo a remi-lo, que Tu és o Filho de Deus e que estás aqui alimentando nossas vidas.


19. CANTO DE COMUNHÃO (2)
1. Antes da morte e ressurreição de Jesus, Ele, na Ceia, quis se entregar: deu-se em comida e bebida pra nos salvar.
E quando amanhecer, o dia eterno, a plena visão, ressurgiremos por crer nesta vida escondida no pão.
2. Para lembrarmos a morte, a Cruz do Senhor, nós repetimos como ele fez: gestos, palavras, até que volte outra vez.
3. Este banquete alimenta o amor dos irmãos e nos prepara a glória no céu. Ele é a força na caminhada pra Deus.
4. Eis o pão vivo mandado a nós por Deus Pai! Quem o recebe não morrerá; no último dia, vai ressurgir, viverá.
5. Cristo está vivo, ressuscitou para nós! Esta verdade vai anunciar a toda a terra, com alegria, a cantar.


20. CANTO FINAL
Vamos em paz e o Senhor nos acompanhe para sempre! Nossa missão é construir um mundo novo, mais irmão!
1. Vamos repartir mais alegria num mundo que se esvazia do sentido de viver. Vamos crer na força da verdade para que a humanidade sinta a vida renascer.
2. Vamos neste mundo de incerteza, defender com mais firmeza o calor da união. Onde não houver fraternidade levemos nossa amizade em verdadeira comunhão.




AVISOS DA COMUNIDADE